O Sol ingressa em Peixes no dia 18/02/18. Peixes é o último signo do Zodíaco, o RELIGARE. É um signo que trata de assuntos transcendentais, cuja grande lição é dissolver o ego para cultivar a compaixão, desenvolver a fé, aprender a entregar o controle da vida para uma Força Maior. O ideal de Peixes é estabelecer a conexão com a FONTE. Retornar a Ela através da sensibilidade, da introspecção, da meditação, da arte, da importância da espiritualidade, da solidariedade para com nossos irmãos.

A paisagem subaquática de Peixes é o reino encantado do fundo do mar. Tanto formas monstruosas, quanto belas, coloridas e mágicas nadam pelas águas. Inúmeros mitos nos contam que o segredo da imortalidade está oculto nas profundezas, sob as ondas. Na escuridão do fundo do mar, espreitam criaturas ameaçadoras que, subindo das profundezas do inconsciente, podem aterrorizar-nos. Emoções primitivas que se encontram sob a superfície civilizada da sociedade.

Quem tem o Sol em Peixes, deve levar luzes do entendimento para iluminar as profundezas da psique. Peixes é a totalidade, a síntese, é a intuição que compreende o indizível. É o fim do ciclo e a preparação para um novo, quando o Sol ingressar em Áries. Peixes ensina que a vida tem um significado maior, além da matéria. Quer dar asas à imaginação, sonhar, fantasiar, cultivar encantamento e magia.

Peixes é teatro, poesia, música, cinema, fotografia, glamour, poesia, fantasia, imaginação. A fábrica dos sonhos. As imagens que falam mais que mil palavras. Tudo o que trás um significado pra vida, que eleva. A missão superior de Peixes é aprender a estabelecer contato com a alegria espiritual, para que possa partilhá-la com todos aqueles que conhece.

Uma das características do pisciano na qual se repara à primeira vista é o seu olhar e os seus cabelos, pois tem tendência para olhos grandes e uma cabeleira espessa. Seu mundo interior é muito rico. É um sonhador que vive perdido num mundo misterioso que lhe pertence e que só ele vê. Carismático e sedutor, conta com boas probabilidades de obter popularidade. O pisciano é parabólico, sente a 360 graus, capta as vibrações positivas e negativas do entrono. Vem daí a sua intensa contradição emocional.

Principais qualidades: Empatia, compaixão, charme e sedução, vocação, humildade, amor-devoção, espiritualidade, inspiração.

Principais defeitos: Mentiras, desilusões, egoísmo, sabotagens, vícios, síndrome de vítima, solidão, dependência afetiva, sacrifícios.

Na via negativa, Peixes é a ilusão, a fuga da realidade. Os enganos, a loucura, a falta de objetividade, a sensibilidade excessiva que causa sofrimento, a religiosidade distorcida. O descontrole, a esquizofrenia, a boemia, o isolamento, o claustro. Deve tomar cuidado com as drogas e a bebida. Virgem é o signo oposto-complementar e lá está o fio-terra dos piscianos. O critério necessário para separar o que é seu e o que é do outro, o que é útil do que não é, o que é real do que é ilusório. O pisciano deve aprender a filtrar o que absorve, a cultivar organização, disciplina e objetividade para que possa realizar seus sonhos, conectado com as inspirações das dimensões superiores.

Peixes na Mitologia:
Na mitologia síria, o peixe era associado com a grande deusa da fertilidade, Atargatis ou Derke, retratada com cabeça de mulher e corpo de peixe. Os gregos identificavam essa divindade com Afrodite. Na figura do signo, os dois Peixes simbolizam o grande ciclo anual e fértil da natureza. O ciclo do eterno nascimento, morte e renascimento expresso pelos ritmos do mundo natural.

Também retrata uma profunda verdade sobre a natureza dos seres humanos: o peixe maior tornou-se um símbolo do corpo mortal, com seu apetite insaciável e necessidades instintivas. O peixe menor tornou-se a imagem do poder redentor do espírito imortal, que embora preso ao ciclo da vida, renasce continuamente.

Na mitologia greco-romana, o simbolismo espiritual do peixe se reflete na figura do semideus Orfeu, cuja vida trágica adquiriu um sentido redentor. O peixe como redentor espiritual chegou até o Cristianismo primitivo, quando Jesus, ele mesmo, era o Peixe e Pedro era o Pescador de Homens. As imagens míticas de Peixes retratam o mistério de um espírito imortal que sempre tem uma nova chance para se redimir.

Planeta Regente: Netuno
Representa o mundo dos sonhos, a inspiração do alto, os estados alterados de consciência. As ilusões, a imaginação, as necessidades espirituais e criativas ou a forma como fugimos da realidade. Está relacionado à glândula Pineal. É o sonhador visionário que dissolve o ego e nos empurra para o amor universal.

No amor:
Peixes é o mais desprendido dos amantes, sabe ser devotado, discreto, carinhoso, empático e flexível. Sabe agradar e criar um clima de romance, mesmo nos relacionamentos mais efêmeros. Pode fazer com que o ser amado se sinta no paraíso. O amor é sua religião, por isso é considerado um grande amante. Quem já foi amado por Peixes nunca mais se esquece.

É um amor dedicado, pouco exigente, evita fazer críticas e cobranças. Sua especialidade é se adaptar às vontades alheias e sentir prazer com isso. Deixa-se inundar pelo amor sem restrições e buscar satisfazer as necessidades do outro. É sedutor, esbanja charme e inspira a sensação de que o amor será eterno.

Peixes está preparado para tudo, até para sofrer rejeição e desamor. Nestes casos, prefere dar um tempo e depois tentar de novo. Gosta de pessoas mais frágeis, carentes, que precisam de amparo afetivo. O problema é que nem sempre separa o “joio do trigo”, por vezes embarca em fantasias, deixa-se enganar para depois sofrer desencantos e desilusões.

Mas além do amor romântico e carregado de sensibilidade, Peixes, quando está num nível espiritual mais elevado, é capaz de sentir um amor ainda maior: o amor devocional. Quando ama, seja uma pessoa, uma causa, uma arte, uma profissão, uma vocação ou um deus, doa-se completamente. Vivem uma experiência de transcendência.

É um amor oceânico, cósmico, ilimitado, generoso, poético. Está além das palavras do mundo. Peixes, quando ama alguém, não se importa com a retribuição. Simplesmente ama e é grato por isso. Reconhece que o ser amado realiza o maior milagre do mundo ao fazer de si um ser amoroso.

Na saúde:
As partes vulneráveis de Peixes são: as vias respiratórias, o sistema imunológico, sistema linfático, os pés, a digestão e o psiquismo. Com a idade, há tendência para crises de angústia e doenças virais como gripes e outras. Se não se alimentar bem, terá tendência para desenvolver problemas de digestão e assimilação, o que favorece a emergência de certas alergias e problemas na pele. Tem também fragilidade no domínio hormonal e endócrino. Apesar disso, o pisciano tem tendência para viver até idade avançada, quando toma as providências necessárias para se aliviar ao mínimo alerta.

Níveis evolutivos da alma:
1º nível de evolução: É a esfera da solidão, da fuga da realidade, da incompreensão. O mal estar de uma energia presa que não encontra expressão. É o emparedamento da alma, o sentimento de não fazer parte do mundo. Sente-se fora e longe de tudo, prisioneiro de si próprio, ausente da realidade exterior.
2º nível de evolução: Vive o doloroso combate do Eu frente ao mundo, onde procura situar-se. Seu inconsciente sabe que existe algo infinitamente maior além da realidade. Esse sentimento é vivenciado como experiência de mal-estar Interior, sacrifício e desilusão, por excesso de projeção emocional numa realidade incapaz de o satisfazer.
3º nível de evolução: É a morada do Eu Superior. O Eu Liberto, já sem medo, consciente de que É, em sua Essência Templo de Vida. Neste último nível acontece a rendição do Ser, quando abre o coração. E desfaz o Nó da Eternidade. Das profundezas do Ser finalmente emerge uma Emoção de Unidade, um sentimento de Gratidão e Paz. Só então se reconhece Eterno.

Marcelo Dalla
Formado em Comunicação pela ECA – USP.
Estuda astrologia há 30 anos e atua profissionalmente como astrólogo no Brasil e em Portugal há 10 anos.
Especializado em Astrologia Cármica, Terapeuta Florais de Bach e Xamanismo. Artista gráfico e criador de mandalas.
Publicou em Portugal os livros MANDALAS MÁGICAS e MANDALAS SIGNOS DO ZODÍACO, ambos pela editora Verso de Kapa.
Mantém uma coluna diária de astrologia no portal ASTROCLICK e coluna semanal no site
www.marcelodalla.com

 

Ilustração: Pisces – Llewellyn Worldwide

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA