Vocês devem ter reparado que, agora, a coluna sai às quintas-feiras. Um dia bacana para falarmos de programação…. não a do fim de semana, agitos e afins, mas a da mente. Afinal, é hora de sintonizar.

Creio que nunca se viu tanta frase motivacional pelas redes sociais e um monte de gente falando “gratidão” por aí. Se boa parte das pessoas está alheia a esse movimento, uma outra, se junta e vem com tudo mostrando que estamos no tempo do compartilhamento.

Sintonizar e compartilhar se tornaram verbos do momento. Costumo dizer, deveríamos frequentar uma escola diferente desde a alfabetização. Um lugar que nos ensinasse a lidar com frustrações, medos, perdas, egoísmo e a ser feliz.

Sofremos tanto e precisamos de tantos tombos para achar a rota, que se a gente aprendesse desde pequenos, seria muito mais fácil. Estou lendo um livro do psicoterapeuta Flávio Gikovate – “Uma Nova Visão do Amor” – que me mostrou coisas que eu deveria ter aprendido antes do primeiro beijo na boca. Aliás, recomendei para várias amigas, pois traz explicações bem bacanas de como funciona o relacionamento a dois.

Vimos uma Copa do Mundo inusitada, onde o talento pessoal que brilhou foi aquele que serviu ao coletivo. Ninguém imaginou que um croata iria ser considerado o melhor do mundo e, durante a cobertura do jogo, ouço o torcedor do time dele dizendo que ele é um cara que não se exibe com joias e carros gigantescos. Que Luka Modric é um cara super comum e generoso.

Bingo, era isso que eu queria a dizer desde o início. O simples é a saída para o sucesso.

Isso ainda vai dar certo.

Carla Brandão
Comunicadora por opção. Jornalista por profissão. Especialista em desenvolvimento humano por vocação. Pensamentos transformadores, evolução e treinamento. Visão divertida sobre automotivação, administração do tempo, melhoria contínua e inovação. Palestrante com foco na transformação da vida em uma fonte de aprendizado e felicidade!
email: carla@acommunica.com.br

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA