Nogent-sur-Seine é a sede do primeiro museu dedicado à reverenciada escultora francesa. Para quem está em Paris, é rápido e fácil chegar à Nogent, basta pegar o trem na Gare de l’Est. A viagem dura apenas uma hora. Na cidade está a casa da família Claudel e é onde Camille fez suas primeiras modelagens e esculturas com barro. O terreno da casa recebeu um anexo formado por cubos brancos, projeto do arquiteto Adelfo Scaranello. No interior, encontramos 43 peças da artista, românticas, sensuais e dramáticas, criadas entre o fim do século XIX e início do XX.

Le Valse
Les Causeuses au paravent

O professor de Camille, o escultor Alfred Boucher, apresenta sua pupila à Auguste Rodin em 1883. O mestre ficou cativado pelo talento espetacular de Camille ao vê-la criar obras como “Os burgueses de Calais” e “O Beijo”. Floreceu a apaixonada, tempestuosa e triste história de amor entre os dois artistas. A relação durou dez anos e o casal modelou um para o outro, e há vestígios da influência um do outro nas suas esculturas. Algumas peças parecem ter sido colaborações, com quatro mãos trabalhando neles.

Camille Claudel

Mas no final, tudo mudou para a jovem artista. Era difícil para Claudel ter aceitação com seu trabalho ousado. O erotismo de suas peças era evitado. Essa frustração, juntamente com o fracasso de seu relacionamento com Rodin, a levaram a ficar amargurada e paranoica. Ela acabou destruindo muitas de suas próprias obras, e seu irmão mais tarde teve que interná-la em um asilo, onde faleceu em 1943.

Femme accroupie
Rodin

A visitação segue um roteiro que mostra o contexto em que a obra da artista se desenvolveu. Os primeiros anos de estudo em Nogent, a arte da escultura no tempo de Camille, esculturas de a burguesia francesa tinha em suas casas e a coleção Camille Claudel, com obras de Rodin, Alfred Bouchet, Paul Dubois e Lucienne Gillet.

Museu Camille Claudel
Rua Gustave Flaubert, 10. Nogent-Sur-Seine, departamento de Aube Champagne. França.
http://www.museecamilleclaudel.fr/
Fotos: Yves Bourel

Ronaldo Cooper
Nasceu em Porto Alegre, em 1962. É jornalista, roteirista, fotógrafo e criador do blog VisualZine.
visualzine.blogspot.com.br