A meditação em grupo é um processo de formação de um canal único para receber luz, amor e poder, e irradiá-los para o planeta e o Universo. As energias unidas de várias pessoas podem trazer melhores resultados de iluminação e serviço do que a energia de um único indivíduo. É como uma sinfonia: o resultado mais delicado de vários instrumentos afinados e harmonizados.

Com a meditação em grupo as energias superiores podem ser conectadas, liberadas, partilhadas com segurança e usadas construtivamente. Podemos curar muitos ferimentos psíquicos, individuais ou do grupo, e dissipar obstáculos.

Cria-se um centro magnético onde quer que seja realizada, um foco de altas energias em torno do grupo que medita. Esse foco fica ancorado no local da meditação, que atrai, segura e conserva as energias espirituais. Este campo de energia eletromagnética é também um elo de ligação entre os membros.

A maioria de nós medita e ora para o próprio progresso, o aumento da própria luz, o amor e o poder. Mas é a meditação em grupo que afasta da nossa mente atitudes egoístas. Lentamente nos damos conta que há somente um objetivo: servir a humanidade na luz da Hierarquia e com o poder da Vontade Divina. Assim, a pessoa torna-se parte de um grupo, contribuindo com todas as suas conquistas, talentos e conhecimentos para fazer do grupo um instrumento melhor.

A maior proteção no Caminho é a aura, ou egrégora do grupo, sua irradiação. A fé e a visão são reforçadas, a vontade de servir se materializa. O senso de unidade é testado, o sentido de fraternidade experimentado e grandes decisões são tomadas para o sacrifício e serviço maiores. Um laço de energia, amor, luz, conhecimento, coragem, força, alegria é criado e os membros podem retirá-las para suas necessidades em qualquer condição e em qualquer tempo.

Fica mais fácil superar obstáculos e impedimentos, esquecer problemas pessoais e elevar-se a uma visão maior. Quando grupo hierárquicos meditam, formam nuvens de luz, conhecimento, amor, sabedoria e gratidão que atuam como uma estação transmissora no espaço. Os que estão adequadamente preparados para se sintonizar com essa “estação”, ou egrégora (forma-pensamento coletiva) recebem essas ondas impregnando-se de amor e energias afins.

Já existem muitas egrégoras em diferentes frequências flutuando no espaço. Formadas por grandes artistas, cientistas, filósofos e outras. Quando uma pessoa se eleva até essas frequências, fica inspirada e se torna uma fonte de criatividade. Cada um de nós pode adicionar alguma coisa a esses campos para torná-lo mais poderoso e influente.

Não podemos esquecer de que as egrégoras do chamado “mal” também possui contribuintes que, dia e noite, a impregnam de novas forças através de proezas, emoções, pessimismo e desejos criminosos. Por serem constituídas de vibrações baixas, essas egrégoras estão mais próximas da humanidade e são de mais fácil acesso.

Quando compreendemos que essas egrégoras crescem cada vez mais formando uma cortina de fumaça escura sobre o planeta, percebemos seu perigo crescente e a urgente necessidade da meditação unâmine e simultânea que combaterá, dispersará, queimará e aniquilará essa nuvem para libertar a humanidade da escuridão, da morte, da irrealidade e do caos.

Possuímos dentro de nós o dínamo gerador de todas nossas alegrias e tristezas: a mente. Ela é o limite de nossas possibilidades, poderemos ser o que a mente determinar que sejamos. Portanto, é importante que cada participante resguarde e vigie seus pensamentos.

Com as meditações em grupo podemos cultivar constantemente as energias do amor, da gratidão, da cooperação e da boa vontade corretas. É dessa forma que vamos substituir o medo pelo amor, o caos pela beleza e abrir as portas para uma vida plena de sucessos e evolução.

Sejamos felizes!

Marcelo Dalla
Formado em Comunicação pela ECA – USP.
Estuda astrologia há 30 anos e atua profissionalmente como astrólogo no Brasil e em Portugal há 13 anos.
Professor de Astrologia especializado em Astrologia Cármica. Terapeuta Florais de Bach e Xamanismo. Artista gráfico e criador de mandalas. Publicou em Portugal os livros MANDALAS MÁGICAS e MANDALAS SIGNOS DO ZODÍACO, ambos pela editora Verso de Kapa.
Mantém uma coluna diária de astrologia no portal ASTROCLICK e coluna semanal no site
www.marcelodalla.com
COMPARTILHAR